vialgarve
Visite a nossa página vialgarve
sexta-feira, julho 04, 2003
 
Comércio Tradicional

Sendo o comércio tradicional bastante estado-dependente, choramingas, pouco dado ao associativismo e pouco inovador, genericamente, li hoje no Barlavento uma notícia sobre as Lojas de Portimão. Os comerciantes optaram por abri as lojas do centro de Portimão das 10h às 22h, oferecer estacionamento grátis para os clientes, animação musical, etc. Estas medidas, há muito faladas mas nunca concretizadas, sem intervenção estatal, são uma boa resposta às grandes superficies.
Atente-se que os empresários das grandes superficies têm que pagar pela promoção, limpeza, animação, estacionamento, ou seja, pagam uma renda mensal que engloba todo um pacote de serviços.
Os comerciantes das zonas históricas, as chamadas "baixas", têm tido pouco espirito de organização e inovação, procurando que as Câmaras paguem a sua animação, promoção, iluminação de natal, etc, enquanto os seus colegas das grandes superficies têm que pagar todos os serviços.

Por isso, a ideia geral que foi apresentada na notícia agrada-me e deveria ser "copiada" noutras cidades Algarvias, por exemplo em Faro.

Powered by Blogger

Weblog Commenting by HaloScan.com